20° DIA: NOVIDADE NO CRISE DOS 30

Crise dos 30 - Novidade

Se você acompanha o Crise dos 30 desde seu nascimento (ele já tem 22 dias de vida! Crise dos 30 - Emoticon Feliz) sabe que ele surgiu meio de supetão!  Sem muito planejamento e sem ideia do que ele seria exatamente, ele nasceu como uma tentativa de mostrar a realidade de quem decidiu chutar o balde e buscar a tão sonhada mudança de vida!

Ele não conta as aventuras de quem largou tudo pra viajar pelo mundo, tampouco as dificuldades que teve quem já passou pelo processo e hoje vive a vida que sempre quis. Pelo contrário, o Crise dos 30 simplesmente quer mostrar pelo que passa uma pessoa comum que decidiu tomar as rédeas da própria vida, mas que assim como você: 1. não é rica; 2. precisa ganhar dinheiro para se sustentar, 3. está surfando na onda de uma geração que está redefinindo os conceitos de carreira, trabalho, paixão e lazer (embora ainda não tenha aprendido a se equilibrar muito bem nessa prancha…) e 4. tem medo de fazer a tal mudança e, muitas vezes, se pega pensando que não tem opção.

O Crise dos 30 é, então, uma tentativa de mostrar o que uma pessoa comum está fazendo para tentar criar um novo estilo de vida que tenha mais sentido e esteja mais de acordo com suas próprias crenças e valores. É a mudança sendo retratada enquanto ela acontece, e não histórias de quem já alcançou o nirvana.

POR QUE O CRISE DOS 30 COMEÇOU DE SUPETÃO, SEM NENHUM PLANEJAMENTO?

Pois é, existe um outro lado dessa história que ainda não contei aqui: o Crise dos 30 nasceu, também, como uma forma de me manter na linha e acabar de uma vez por todas com a minha procrastinação.

Se você nunca ouviu esse termo, provavelmente está achando essa palavra meio estranha, mas procrastinação nada mais é do que priorizar tarefas menos importantes e empurrar com a barriga aquelas que você sabe que realmente precisa fazer, ou seja, as tarefas essenciais.

Sabe aqueles quilinhos a mais que incomodam e a gente sabe que precisa começar uma dieta se quiser eliminá-los de uma vez por todas? Se você se identifica com isso, com certeza sabe qual o dia universal que se iniciam todas as dietas mal sucedidas: as segundas-feiras, claro! O dia de começar a dieta nunca é hoje, é sempre na segunda-feira!

Isso é procrastinação: deixar pra amanhã aquilo que você sabe que deveria começar hoje!

Pra falar a verdade, procrastinação nunca foi um grande problema na minha vida, mas depois que pedi demissão do meu emprego, em maio desse ano, eu entrei numa paranóia geral de que precisava fazer alguma coisa: e rápido! Eu estava ansiosa pois não via a hora de ter aquela ideia genial, aquela que seria o meu próximo projeto/trabalho e que permitiria meu sustento.

Crise dos 30

É fato que eu estava estudando horrores e a cada hora tinha uma ideia diferente, mas me sentia culpada pois não conseguia colocar absolutamente nada em prática. Eu passava horas respondendo e-mails, fuçando no Facebook, lendo, assistindo palestras online, mas não conseguia me comprometer com nada real. Cada vez que eu tinha uma ideia fantástica, vivia aquele momento de empolgação que durava um dia, não fazia nada a respeito e aí, na semana seguinte, já começava a me questionar se aquela ideia era assim tão fantástica mesmo… Não demorava muito, eu começava a me sentir uma grande babaca que só tinha ideias bestas, e com isso fui criando um grande peso desnecessário pra eu mesma carregar: a frustração da sensação de não sair do lugar.

Foi somente quando eu decidi parar de concentrar minhas energias em “como conseguir dinheiro para me sustentar” que o Crise dos 30 surgiu.

Por que não retratar todos esses percalços pelos quais passam as pessoas que tomam decisões desse tipo? Eu não sei exatamente o que fazer para dar a volta por cima, mas estou me dando esse tempo para reorganizar minha vida, então por que não contar essa trajetória em tempo real?

O Crise dos 30 foi, então, o meu compromisso público: já que me comprometer apenas comigo mesma não estava funcionando, eu resolvi me comprometer publicamente e, com isso, acabar de vez com a minha procrastinação. Ter me comprometido a escrever todos os dias me deu a sensação de que finalmente tirei uma ideia do papel e, por tabela, quem sabe ainda não consigo ajudar alguém que esteja passando pela mesma situação (ou pensando em dar um passo parecido)?

Por isso que o site ficou pronto em apenas 8 dias: eu tive a ideia dia 09/06 e o primeiro post foi ao ar dia 17/06. Me dei um prazo super curto para criar o site e publicar os primeiros posts de propósito: eu não queria correr o risco de cair na mesma armadilha, de começar a questionar minha ideia e acabar não fazendo nada. Eu quis que fosse rápido, eu precisava que fosse rápido.

Hoje, apenas 22 dias depois, eu não tenho dúvida de que foi a melhor decisão que eu poderia ter tomado! O Crise dos 30 tem sido, antes de qualquer coisa, uma forma de me manter focada e produtiva, e é por causa dele que ficar jogada o dia todo no sofá não é uma opção, mesmo nos meus piores dias. Ele me dá motivação pra tocar todos os projetos e iniciativas que resolvi tomar e que, eu espero, me ajudarão a criar esse novo estilo de vida que eu decidi que quero pra mim.

Crise dos 30 - Novidade

No entanto, o problema de tudo isso é que o blog ficou sem um formato definido, pois são tantos os assuntos que quero abordar que ele meio que ficou sem foco. Tenho falado de vários temas extremamente relevantes para essa jornada, mas sem uma ordem lógica, o que o deixou meio confuso e acabou saindo um pouco da proposta.

Com base nisso decidi criar o RELATOS DE UMA INQUIETA, uma categoria de posts onde vou voltar lá atrás e contar um pouco mais sobre a trajetória dessa mudança de vida que já está ocorrendo a todo vapor, respeitando a ordem cronológica de como ela tem acontecido. Vou ter que voltar um pouquinho no tempo, mas assim vocês conseguem entender mais claramente como se deu (ou melhor, se dá) todo o processo pelo qual eu estou passando. Vou começar contando algumas das histórias mais marcantes e que mais influenciaram toda a minha caminhada, até chegar onde estou hoje, quando o passado vai se mesclar com o presente.

Se o meu presente é resultado de todas as minhas escolhas anteriores, nada melhor do que começar contando um pouco mais sobre essas escolhas, não é mesmo?

Foi essa a forma que encontrei de realmente poder ajudar as pessoas que estão querendo seguir o mesmo caminho e querem entender de uma forma lógica como eu tenho buscado a minha mudança de vida. Da forma que estava até agora, os textos estavam flutuando num mar de acontecimentos, e eu não acho que estava conseguindo cumprir o que me propus a fazer.

OBS: Os posts do RELATOS DE UMA INQUIETA serão apenas uma parte do Crise dos 30, que continuará trazendo textos sobre assuntos diversos – assuntos esses que são parte fundamental de toda essa mudança de vida que me propus a fazer -, mas esses não seguirão nenhuma ordem específica. Dessa forma, consigo contar uma história mais completa de como cheguei até aqui e qual rumo estou seguindo, e também tenho a liberdade de abordar assuntos relevantes, contar mais sobre meu dia-a-dia atual e instigar reflexões imprescindíveis que fizeram, e ainda fazem, parte o meu processo.

Dessa forma, ao final do DESAFIO DOS 222 DIAS você conseguirá ter uma visão muito mais completa dessa mudança, e vai ser muito mais interessante (tanto pra mim, quanto pra vocês) analisar os resultados!

Crise dos 30 - Diário de Uma Inquieta

RELATOS DE UMA INQUIETA: relembrando o passado para se situar no presente e, dessa forma, recriar o futuro.

Espero que gostem desse novo formato e, lembrem-se: se tiverem algum comentário ou alguma sugestão de como melhorar o Crise dos 30, basta escrever aqui em baixo! Qualquer opinião será sempre muito, muito bem vinda!

Love,

Carol

Carol Sales

Paulista que antes residia em Auckland (agora em período de transição), gosta de sol e mar, de chuva e aconchego, de frio e cobertor. Hoje. Talvez amanhã não goste mais.
Acredita que nada acontece por acaso e que a vida dá seu jeito, e vive numa eterna batalha entre ir pra academia, ler, escrever ou ficar de bobeira pesquisando sonhos na internet - sonhos esses que 99.9% das vezes tem a ver com definir o próximo destino.