Coaching

99° DIA: RELATOS DE UMA INQUIETA – “A CHEGADA DOS 30"

Que incrível é a sensação de fazer novas descobertas sobre si mesmo! Acho que, na minha escala particular de empolgação, ela está lado a lado com a alegria que sinto ao visitar um país ou uma cidade na qual nunca estive antes. Eu tinha acabado de fazer 30 anos e, até aquele dia, entrar na casa dos 3.0 era algo com o qual eu não lidava muito bem. Eu sempre

98° DIA: RELATOS DE UMA INQUIETA – “ENCONTRANDO A RESPOSTA EM UM LIVRO”

Os dias que se seguiram foram ainda piores do que os anteriores. Eu me sentia totalmente sem saída, numa tremenda enrascada. Já não sabia mais o que eu estava fazendo, e nem mesmo o porquê. Só sabia que meu corpo estava pagando o pato, e minha depressão estava se aproveitando da fragilidade da situação para tomar conta do pedaço. Se tem uma coisa que eu sempre amei fazer é ler.

92° DIA: RELATOS DE UMA INQUIETA – “(RE)DESCOBRINDO NOVAS PAIXÕES”

Essa coisa do “faça o que você ama” pode mesmo ser muito ingrata. É engraçado como, naquela época, eu olhava para o Henrique e pensava: “Tão mais fácil ser alguém assim, com uma paixão tão bem definida. Ele é e sempre foi músico, é isso o que quer fazer da vida e pronto – se não for música, nada mais faz sentido”. Pra mim as coisas não são assim. Eu

87° DIA: RELATOS DE UMA INQUIETA – “SERÁ MESMO POSSÍVEL TER O ESTILO DE VIDA DOS MEUS SONHOS?”

Foi ao me dedicar ao coaching que descobri algo importante sobre mim mesma, algo no qual eu nunca tinha parado pra pensar: quais eram os meus valores. Hoje, me parece incrível que eu tenha vivido 30 anos sem nunca me fazer uma simples pergunta: AFINAL DE CONTAS, O QUE É QUE EU MAIS VALORIZO NA VIDA? O QUE É QUE EU DEFINITIVAMENTE NÃO PODERIA VIVER SEM? Existem várias ferramentas de

85° DIA: HORA DE PARAR DE SE COMPARAR COM OS OUTROS

“A escada para o sucesso só se cria depois que você dá o primeiro passo no escuro. Você dá o primeiro passo sem ver a escada… o degrau surge embaixo dos seus pés. É assim que é. Ser bem sucedido é quase como uma recompensa pela fé… ou simplesmente um reflexo da sua crença.” – Alana Trauczynski Nesses últimos dias eu tenho andando meio encanada, com uma sensação constante de

84° DIA: RELATOS DE UMA INQUIETA – “E CADÊ A CORAGEM DE LARGAR O EMPREGO?"

A família foi embora e as semanas que se seguiram foram das mais angustiantes possíveis. Durante a estadia deles aqui eu coloquei o programa de coaching em stand by, pois não tinha condição nenhuma de me dedicar a isso em meio a uma programação intensa de final de ano – programação essa da qual tenho muito orgulho, inclusive! Graças aos meus conhecimentos sobre os destinos turísticos do país e a

83° DIA: JÁ TÔ ME SENTINDO COACH

Que sentimento bom que é fazer algo que a gente acredita! Hoje, pela primeira vez na vida, apliquei uma ferramenta de coaching. Em meio a tantas coisas que aconteceram ultimamente, toda minha programação de estudo ficou atrasada, e agora eu estou correndo contra o tempo para terminar a segunda etapa da minha formação em life coaching antes de viajar, o que significa que durante todo o mês de setembro eu

82° DIA: COMO EU DESCOBRI MEUS MAIORES TALENTOS

Faz algumas semanas ouvi da minha nova coach*, após alguns minutos de conversa em nossa sessão semanal via Skype, que eu era uma planejadora e organizadora por natureza – o que, pra mim, soou como um baita elogio. Como alguém que me conhecia há tão pouco tempo já tinha identificado duas das minhas principais características após poucas horas de bate-papo? Esse episódio me fez perceber duas coisas:      

81° DIA: RELATOS DE UMA INQUIETA – “PROGRAMA ESCOLHA SUA VIDA: UMA LUZ (AINDA QUE BEM FRAQUINHA) NO FIM DO TÚNEL”

Foi em novembro de 2014 que eu comecei a fazer o Programa Escolha Sua Vida (ou PESV), aquele programa de coaching do qual falei aqui. Posso dizer que essa foi a fase em que eu estava no pico (ou melhor, no fundo) da minha depressão. Importante dizer que, no meu caso, não era uma depressão clínica, mas sim o que eles chamam aqui de ‘depressão situacional’, ou seja, desencadeada por